Resenha: DiorShow 360 Mascara

StarStarStarStarStar

Quatro estrelinhas

Rímel com aplicador que parece um ouriço do mar, rímel que vibra… cada dia aparece uma coisa nova.

A invenção do momento é o rímel que gira 360 graus. A invenção é da Dior e não foi difícil decidir se eu deveria ou não testar quando vi o estande lindinho dentro da Sephora.

O preço é salgado para um rímel ($35,90 euros) e isso, no geral, foi a única coisa que eu não gostei do DiorShow 360.

Aplicador

A Dior descreve o rímel 360 como uma máscara que curva, dá volume e aumenta o comprimento dos cílios graças ao aplicador que gira 360 graus.

Diz a Dior que essa escovinha giratória imita a técnica de aplicação dos maquiadores profissionais.

Ela tem uma hélice dupla com fibras extra suaves e gira tanto para a esquerda quanto para a direita para se adaptar a qualquer necessidade.

Se você é destra ou canhota ou se pretende aplicar o rímel nos cílios superiores ou inferiores, não importa! A máscara vai se adaptar.

Mecanismo que aciona a escovinha giratória

Quando abri o pacote, fiquei procurando por um botão, né? Não encontrei… para ativar o rímel, você tem que girar a base prateada da tampa.

Girando para um lado, a escovinha rota para a esquerda. Girando pro outro, ela rota para a direita.

Vamos às fotos comparativas:

Antes e depois: olho peladinho e com duas camadas de rímel

Tirando o aplicador diferente, o rímel em si é muito bom. Ele é mais grossinho, mas não é grudento e a cor é super pretinha, o que eu ADORO!

Quando você encosta a escovinha giratória nas pestanas, dá pra ver como esse sistema de hélice dupla é bem eficiente. Ele cobre direitinho os cílios e também os escova.

Não é tãooo maravilhoso para separar cada pestana como um aplicador estilo pente ou com dentinhos, mas dá pro gasto.

Com duas camadas, você consegue um volume bacana com um pouco mais de comprimento.

Olhos pelados (e tristes)

Um olho com duas camas e um olho com três

Na terceira camada, achei melhor ainda!

Alongou bastante, mas não grudou ou empeletou. Ficou na medida certa, sabe? Pelo menos pro meu gosto…

Dessas novidades de rímel com aplicador diferente, achei o 360 melhor do que os que eu já experimentei por aí (tipo o vibrador da Lancôme ou o ouriço da Givenchy).

Se não fosse tão caro, recomendaria com gosto, porque é um produto bom e muito divertido de usar.

Fora isso, Dior é muito RYQUEZA-demais-pra-sempre e acontece todo um orgulho de puxar da necessaire pra se exibir prazamygha.

Ele fixa legal nos olhos e não rola aquela coisa chata de partícula de rímel seco caíndo pelo rosto depois de algumas horas.

Não é à prova d’água e como eu ainda não tive o desprazer de chorar usando essa máscara, não sei o quão resistente ela pode ser em momentos TENSOS.

PS: Muita gente pediu, então no finde eu gravo vídeo mostrando o rímel em toda a sua glória giratória pra vocês verem direitinho como ele funciona.

PS2: Me avisaram que o 360 já chegou em terras brasileiras… Vende na Sack’s. Clica aqui pra ver!

Como fazer a maquiagem durar no calor? Por que proteger o cabelo do sol? Dicas para quem tem melasma Uma minissérie com elenco estrelado O reality mais legal da Netflix Por que o protetor solar esfarela? Entendendo os tônicos faciais Como limpar a pele antes de dormir Guia rápido: óleos faciais Três dicas para cuidar da região dos olhos Guiá rápido sobre o uso de ácidos na pele Produtos que você não deveria guardar no banheiro