#Desafio1LivroPorMês: Marionete

#Desafio1LivroPorMês: Marionete

#Desafio1LivroPorMês: Marionete

Marionete foi minha leitura 12/12 do #Desafio1LivroPorMês e título do Clube do Livro do Marinão de junho/julho.⠀

Resumindo:

É um livro que renderia um ótimo filme de ação ou uma bela série policial.

Fica a dica, dona Netflix!

Não só ele, como Boneco de Pano, o primeiro livro do autor.

Aliás, Marionete é a continuação de Boneco de Pano e eu gostei bastante de ambos!

Sinopse:

Emily Baxter está lidando com o trauma do caso Boneco de Pano quando se envolve em outra investigação super intensa e cheia de detalhes macabros.

Convocada pelo FBI e pela CIA, ela é surpreendida com fotografias de um corpo retorcido em uma pose familiar, pendurado na ponte do Brooklyn, com a palavra “isca” entalhada no peito.

Rapidamente, vítimas se multiplicam tanto em Nova York quanto em Londres e Baxter precisa vencer o medo que a paralisou no último ano para impedir que mais mortes ocorram.

#Desafio1LivroPorMês: Marionete

Minhas impressões:

Marionete é um livro cheio de ação, com sequências super tensas, acontecimentos surpreendentes e bons personagens.

Como o autor conseguiu pensar em coisas tão horripilantes, não sei. Mas adorei!

Dentro do gênero policial, achei criativo.

Sobre a protagonista:

Não é fácil gostar da detetive Baxter.

Que mulher grossa, meu Deus!

Mas personagens mais * amáveis* como Edmunds e Rouche têm uma dinâmica super interessante com ela e, pra mim, o relacionamento da detetive com esses dois aliados acabou se tornando um dos pontos altos da leitura.

Lá pro final da história, minha antipatia por ela já não era tão grande…