Resenha: Base Naked Skin Weightless Ultra Definition Liquid Makeup Urban Decay

Resenha: Base Naked Skin Weightless Ultra Definition Liquid Makeup Urban Decay

naked1

StarStarStarStarStar

3,6 estrelinhas

Demorou, mas a resenha chegou! Quem acompanha os tutoriais do blog, deve ter notado que a pele foi feita com essa base da Urban Decay em alguns looks de dezembro.

A proposta da Naked Skin é muito interessante: base leve e de cobertura “nua” ou seja, você maquiada e linda, mas sem parecer que usou maquiagem.

A descrição diz o seguinte:

Uma base líquida, leve e invisível que cria um acabamento luminoso e semi-matte. Sua fórmula ajuda a pele a ficar com um acabamento iluminado e natural. Naked Skin é formulada por esferas de difusão de luz que deixam o seu look com um toque profissional. Base Naked Weightless Ultra Definition Liquid Makeup permite que as mulheres construam sua própria cobertura e customizem seus look. A Base Naked está disponível em várias cores e tem acabamento matte, luminoso mas não brilhoso.

Não é um produto barato, infelizmente. O frasco de 30ml custa R$214 no site da Sephora e é exclusivo online ou seja, não tem pra vender nas lojas físicas (é o que diz no site da Sephora Brasil). Me avisaram que o site está errado e que a base pode ser encontrada nas lojas físicas.

naked2

naked3

Amostrinha tom 4.0

Recebi a base da assessoria da Sephora no tom 4.0.

Um detalhe importante na hora de escolher sua cor de Naked Skin é prestar atenção na numeração. Tons que acabam em .0 são amarelados, enquanto tons numerados com .5 são rosados.

A textura do produto é muito fluída, mas o tempo de secagem é curto, então não dá pra se enrolar muito enquanto você espalha o produto.

A cobertura é média e a sensação na pele é realmente muito leve.

naked4

Pele ao natural e com uma camada de Naked Skin (foto com flash)

naked5

Close-up do acabamento (foto com flash)

O acabamento é como diz a descrição: semi matte.

É um meio termo ótimo entre o acabamento opaco que pode parecer muito artifical e o acabamento luminoso, aquele que te deixa com aspecto de pele oleosa.

Naked Skin é sequinha, mas natural e olhando a foto de antes e depois, é possível notar a diferença na cor do rosto e nas manchas e olheiras, mas a textura e o brilho da pele são os mesmos nas duas imagens.

naked7

naked6

Make completo com base Naked Skin + Blot Powder na Zona T + Bobbi Brown Creamy Concealer e Well-Rested Concealer nas olheiras (sem flash)

Uso em conjunto com meus corretivos de sempre, porque mesmo tendo um acabamento bacana e cobertura ok, nem sempre ela dá conta de tapar 100% das minhas olheiras e covinhas abaixo dos olhos.

Quanto à fixação, a base transfere pouco e a cobertura dura praticamente o dia inteiro no rosto, mas o aspecto sequinho e natural vira natural meio oleoso depois de umas 4 ou 5 horas sem retoques.

Considerando o bafo que faz em Porto Alegre, achei super digna!

Resumindo:

Gostei muito da sensação leve na pele e do acabamento natural. O preço é deprimente, mas ela cumpre o que promete e se você não tem necessidade de cobertura altíssima e gosta do visual “já nasci assim”, Naked Skin é uma ótima opção.

Detalhes da nota:

Textura/Aplicação: 4/5
Cobertura/Pigmentação: 3/5
Fixação: 4/5
Preço: 1/5
Apresentação: 5/5
Relação Realidade x Descrição Oficial: 5/5
Média: 3,6

Para visualizar a lista completa de critérios e notas, clique aqui.

Como fazer a maquiagem durar no calor? Por que proteger o cabelo do sol? Dicas para quem tem melasma Uma minissérie com elenco estrelado O reality mais legal da Netflix Por que o protetor solar esfarela?