Sombra Elke #09

Tenho fixação em sombra preta e adooooro fazer comparações, porque estou sempre em busca do preto mais preto entre todos os pretos.

Afinal, olho pretão e boca nude é tuuudo de bom!

Já fiz outros posts de comparação e nos comentários me sugeriram de experimentar a sombra unitária da marca Elke.

Confesso que pensei “ÊH!” (imagine o som acompanhado de cara de desdém), porque eu já testei uns estojos da Elke e achei suuuper meia-boca.

Para a minha surpresa, a sombra da Elke não é apenas digna, ela é digna e MUITO preta.

Tão preta que mereceria o selo Anubis de APROVAÇÃO caso aquela gata fosse capaz de esboçar qualquer coisa que não seja desprezo ao vivo ou em fotos.

Vamos às imagens comparativas:

Comparação entre os tons de preto

Selecionei alguns vencedores e perdedores de comparações passadas. No caso:

  • Sombra preta da palette Catharine Hill (a mais preta até o presente momento)
  • Sombra Preta Yes! Cosmetics (top 5 da minha coleção de sombras pretas)
  • Sombra Carbon da MAC (decepcionante pelo preço e pela pigmentação)

Como vocês podem notar pelas amostrinhas na cutis, a sombra da palette continua com o título, mas a sombra da Elke não vem muito atrás…

Fiquei encantada!

Sombra Elke na pálpebra (sem corretivo e/ou primer por baixo)

Dei umas pinceladas no olho pra mostrar como fica na pálpebra sem ajuda de primer ou corretivo e o resultado foi muito bom (tirando a tonelada de pó preto que caiu fora do olho).

Com uma base bem feita por baixo, fica incrível!

Comprei por $11,67 na farmácia Panvel, mas também vende nas lojas Americanas e em outras farmácias.

Para ver mais uma postagem sobre sombra preta, é só clicar aqui e aqui (tem Vult, Marcelo Beauty, Mary Kay, etc).

E para explicar melhor meu Top 5 das sombras pretas, a listinha atualizada ficaria assim:

1 – Sombra preta da palette Catharine Hill (junto com a preta da falecia palette Celebrare O Boticário)

2 – Sombra Coal Mary Kay e sombra #09 Elke

3 – Sombra preta Yes! Cosmetics

4 – Oil Slick Urban Decay

5 – Lucifer Kat Von D.

Vale lembrar que eu considero não só a pigmentação, mas o tom do preto. Existem algumas sombras super pigmentadas, mas que o preto não é tão “vibrante” e sim mais cor de asfalto.