2Beauty

2Beauty

Dicas, tutoriais e resenhas sobre maquiagem.

Sephora

Arquivo de ‘Blush’ em lista por categoria

Necessaire necessária

Itens de sobrevivência

Há mais ou menos uns dois meses, resolvi montar uma necessaire para deixar alguns produtos mais a mão pela manhã.

Eu sou preguiçosa ao extremo e não me importo de sair de casa com cara de mendiga viciada em crack se puder dormir 15 minutos a mais.

Por essa e por outras, a idéia da necessaire super ajudou a manter o meu nível de dignidade no ambiente de trabalho, porque torna o processo muito mais rápido.

Hoje de manhã eu até cronometrei. Levei exatos 23 minutos para escovar os dentes, trocar de roupa e me maquiar.

E gente! Esses 23 minutos fazem uma difereeeença. Vejam só:

 

Passando de vítima de atropelamento de caminhão para algo mais aceitável

Adoooro! O que um corretivo, um pó, um rímel e um blush não fazem pela vida de uma pessoa…

Okay, os olhos inchados de quem acabou de acordar não ficaram uma maravilha só com o corretivo, mas já é um avanço, não é?

E maquiagem é isso mesmo. Não precisa ser algo complicado ou demorado. Você não precisa de 10 mil produtos para melhorar aquilo que Deus lhe deu.

Com os produtinhos da minha necessaire, me viro super bem!

Vamos aos detalhes de cada item do meu kit de sobrevivência:

Pele

Pra todo dia, uma base mais leve e um pó de acabamento natural são ótimos.

Vou confessar que a base ficou meio que abandonada, mas o pó quebra muito o galho todas as manhãs.

Desde que meu Pureness Shiseido acabou, estou experimentando outras opções e esse pó da MAC tem sido uma grata surpresa.

Eu costumava usar por cima da base, mas ele sozinho também fica legal. A cobertura não é tão boa quanto a do Pureness, mas o aspecto geral da pele fica muito natural.

Antes de passar o pó em todo o rosto, eu também dou uma conferida nas olheiras. Se a situação está meio desesperadora, uso o corretivo cremoso de potinho. Se a “cousa” toda está mais light, vou de corretivo líquido.

Na foto acima: MAC Mineralize Skinfinish Natural, NYX Concealer Jar, Smashbox HD Healthy FX Foundation e corretivo MAC Select Cover-Up.

Bochechas

Para conferir um ar de riqueza e saúde à cutis, não pode faltar blush!

Todas as manhãs, quando eu estou com sono e pensando super sério em não me arrumar, imagino o Sadi dizendo:

MULHER SEM BLUSH TEM CARA DE POBRE!

E eu imagino assim, EM CAPSLOCK, que é pra não ter perigo de eu desistir ;)

Vario bastante os blushes da necessaire e vivo trocando as cores e marcas. Nesse momento, estou usando o Brown de uma coleção passada do Boticário.

A cor é ótima para morenas e a fixação é surpreendente. Dura o dia inteiro nas minhas bochechas!

Boca

Não tenho criatividade alguma para batons. Por mais que eu tente variar e coloque várias cores na necessaire, acabo usando o Hug Me da MAC.

Vocês podem notar pelo estado do batom que ele é o preferidão… Tá quase no fim!

Se por um milagre divino eu saio da minha rotina, uso ou o tom nude da linha Intense ou o vermelhinho da mesma marca.

Cílios

Além do blush, acho que rímel também é super importante para aumentar o nível de dignidade e riqueza de qualquer amygha.

Sempre combino dois ou três! Gosto muito de fazer uma base com o Hypnôse da Lancôme e depois passar algumas camadas do Lash Balst Luxe Cover Girl ou do Bare Naturale da L’Oreal.

O Hypnôse segura bem a curvatura e dá volume. Deixo secar um pouquinho e passo o Lash Blast ou o Bare Naturale para alongar e separar os cílios.

Fica supimpa!

Na foto acima: L’Oreal Bare Naturale, Lancôme Hypnôse, L’Oreal Voluminous Carbon Black e Cover Girl Lash Blast Luxe.

Acessórios

Por fim, alguns produtos variados.

O curvex da Tweezerman foi uma bela surpresa. Estou amando! Comecei a usar, porque fiquei com pena de gastar meu Shu Uemura novo.

O tempo passou e agora não tô nem sentindo falta do Shu…

O Tweezerman é muito bom mesmo!

Ao lado dele está o Pore Minimizer T-Zone Shine Control da Clinique, um gel matificante que tem feito uma bela diferença nesse tempo quente.

Não fico com o rosto sequinho da manhã à noite, mas noto que o brilho demora mais para aparecer se estiver usando ele por baixo do make. Aplico apenas na Zona-T, já que as minhas bochechas não são oleosas e o gel em conjunto com o pó acaba ressecando essa área do rosto.

Para completar o trio, Folhas Anti-Brilho da Clean & Clear!

Não uso pela manhã, mas carrego na bolsa para remover a oleosidade da pele ao longo do dia.

- – - – - -

PS: Não resisti! Vou ter que voltar ao assunto do show do Paul McCartney, porque me passaram esse vídeo com uma montagem das imagens que os fãs gravaram durante a música Live And Let Die no show de Porto Alegre:

O cara é foda. Inveeeja de quem vai no show de São Paulo também!!!

MAC Blushcreme Cheery

MAC Blushcreme Cheery

Gosto bastante dos blushes da MAC, mas ainda não havia experimentado a linha de blushes cremosos. Aproveitei uma visita ao Woodbury Common Premium Outlets e comprei a cor Cheery por $14 dólares na loja Cosmetic Company.

Como vocês podem notar, eu estava numa fase “bochechas” durante a viagem. Uns 70% do que eu comprei ou é blush ou é iluminador. ADORO!

Mas voltando ao Cheery…

Essa cor já saiu de linha (por isso o preço mais baixo no outlet), então a info do post talvez não sirva pra muita gente pelo tom do blush em si e sim pela textura, pigmentação e fixação desse tipo de produto da MAC.

Amostrinha do blush esfumado e concentrado

A pigmentação do Blushcreme é supimpa! Tão supimpa que você precisa tomar cuidado pra não exagerar na dose…

Eu me emocionei nas primeiras aplicações e acabei com cara de Bozo :)

Geralmente, isso não é problema. Esfrego um pouco as bochechas e a cor vai sumindo, mas o caso do Cheery foi mais complicado.

A textura desse blush é um tanto pegajosa e quando eu passo os dedos na bochecha, eles não deslizam com facilidade.  Sabe quando meio que gruda e puxa a pele? Então…

Pra mim, foi o único ponto negativo.

 

Amostra nas bochechas

Depois de bem esfumado (com um pouco de trabalho e paciência), o aspecto na pele fica muito natural e o corado das bochechas dura bastante.

Achei a fixação super digna comparada com a de outros blushes cremosos que já experimentei.

Não dura o dia inteiro, mas rola de aplicar ao sair de casa, trabalhar a manhã toda, almoçar, trabalhar mais um pouco, se olhar no espelho lá pelas 15h e ainda estar maquiada.

É só no meio/final da tarde que o tom começa a sumir.

Como esse é meu primeiro blush cremoso da MAC, não posso dizer se todos eles são assim, então quem tiver outras cores do Blushcreme e quiser dar pitaco, porfa!, deixe um comentário.

Palette Leopard Love da Too Faced

Palette Leopard Love (Bronze, Blush & Brighten)

Sabe compra de impulso?

Eu já tenho um estojo lindo da Too Faced com o famoso blush/bronzer Pink Leopard e mesmo assim o lado perua gritou alto, esperneou e não resistiu ao charme da caixa cheia de pintinhas coloridas.

Para quem está chegando agora e nunca houviu falar desse produto, explico:

O Pink Leopard (3o da esquerda para a direita na foto) é um dos itens mais populares da Too Faced. Ele é uma espécia de pó queimador, blush e iluminador, porque combina tons de rosa, bronze e dourado numa estampa fofa de bicho.

Quando você passa na bochecha, fica incrível!

É como misturar bronzeador com blush e salpicar uma pitada de iluminador por cima, tudo de uma vez só, em um único produto.

Acreditem… é lindo e é MUITO difícil de resistir!

Aqui tem uma nota mais antiga sobre o Pink Leopard original. Quem quiser ver fotos no rosto e tudo mais, clique djá, porque o resto do post é mais focado nos tons que surgiram a partir dele e que completam o belo trio da palette acima.

  

Da esquerda para a direita: Peach Leopard, Candy Leopard e Pink Leopard

Pra começar, eu não vou dizer que me arrependo da compra, mas vou dizer que esperava mais das novas cores.

O Candy Leopard é descrito como blush e combina rosa escuro com rosa cintilante clarinho e bege amarelado. Ele fica shooshoo nas bochechas, a pigmentação é digna e a fixação é muy satisfatória.

Já o Peach Leopard…

Bom, esse aí foi uma pequena decepção.

O Peach é composto por tom de pêssego com bronze clarinho e bronze/marrom mais opaco. É o menos “brilhante” dos três e parecia ser uma ótima pedida.

Na caixinha, ele é descrito até como “bronzeador”, mas ficou super fraquinho na minha pele. :(

Acho que fará mais sucesso em meninas claras, porque a cor em si é muito bonita, só é um tanto fraca para morenas.

 

Peach Leopard e Candy Leopard

A palette Leopard Love é vendida na Sephora por $30 doletas. Se você vai viajar, acho que vale uma olhadinha. Se vai ficar por aqui mesmo, tem no site asos.com por $40.

- – - – -

Pra quem gosta desse estilo de produto, também recomendo a palette The Bronzed & The Beautifull. Ela tem o Pink Leopard e dois bronzeadores/iluminadores muito bonitos.

Resenha: MAC Mineralize Blush Gleeful

StarStarStarStarStar

Nota: 5 estrelinhas

Eu tenho alguns blushes da MAC, mas esse é o meu primeiro do tipo “Mineralize”.

Gostei bastante!

Ele é mais caro que um blush normal da marca, mas é muito bom.

Acho que paguei $21 dólares no estande da MAC dentro da Macy’s, o que não é assim baratíssimo, mas considerando que aqui tem blush da Natura por R$40… não foi mal negócio.

 

Swatch/amostrinha

A diferença do blush “Mineralize” pros comuns é o modo como ele é feito. Blushes assim são compostos por partículas finíssimas de minerais que depois são assadas nesse formato bonitinho. Lembra muito os blushes e sombras de “domo” da Bourjois.

Na descrição do site da MAC diz que você pode “construir” a cobertura do Mineralize e que a aplicação pode ser da mais leve até a mais dramática, basta passar mais camadas.

Bom, eu não experimentei todos os blushes dessa linha. Só tenho o Gleeful e vou dizer que de leve o blush não tem nada. Ele é BEM pigmentado (adoro!) e mesmo eu sendo morena, tenho que cuidar pra não passar muito logo de cara, porque as bochechas ficam super coradas.

A fixação é supimpa, mas a melhor parte é a cor.

Tô amando! De verdade!

O Gleeful é um rosa escuro com brilho dourado e rosado. Ele é bem quente e parece o tom do “rubor natural” da minha cutis, por isso estou tão animada.

A cintilância é super discreta, então rola de usar durante o dia sem medo de parecer muito perua.

Se você é morena como eu (ou mais escurinha), superrrr recomendo!

- – - – - -

Mais alguém aqui tem essa cor? Gosta? Tem outras cores de Mineralize? Me conta!

VOCÊ TEM ESSE PRODUTO? AVALIE TAMBÉM!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

a média das leitoras é 4,32 de 5
41 votos | Veja o sistema de avaliação

NARS Cream Blush Cactus Flower

NARS Cream Blush Cactus Flower

Os blushes cremosos da NARS são daquele tipo de textura cremosa que vira quase um pó após a aplicação na pele. A cobertura é super levinha, então é praticamente impossível exagerar na dose.

Um estojo custa $26 dólares, o que é um tanto caro para um blush, mas okay! Vá lá…

A cor do Cactus Flower é um coral com um quê de rosa e brilho dourado que super favorece todos os tipos de pele. Acho que fica legal tanto em gurias brancas quanto em morenas ou negras.

Quando vi na loja, não pensei duas vezes!

Swatch/amostrinha no braço

E sim, ele é meio escândalo na embalagem, mas graças à cobertura levinha, não acontece toda aquela coisa chata de ficar parecida com o palhaço Bozo.

Após espalhar o produto (e é bem fácil de espalhar com os dedos, porque a textura é super boa!), o blush fica mais discreto.

Caso você queira dar um efeito dramático às bochechas, é só reaplicar.

 

Cactus Flower nas bochechas

Só tem um porém:

Eu esperava que a fixação fosse melhor, já que os blushes em pó da NARS são top nesse quesito. Não rolou…

Tentei aplicar sobre base, sobre pó, com primer, sem primer, sobre a pele “nua” e a duração foi sempre a mesma. O Cream Blush se mantém digno umas boas quatro horas e depois vai sumindo.

Uma peninha, porque a cor é tããão bonita!